O Mundial de Bocha Rio de Janeiro 2022 acontecerá de 5 a 13 de dezembro, com entrada gratuita, no Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste da cidade. A principal competição do ciclo Paris 2024 tem mais de 170 atletas confirmados, de 40 países, e será no mesmo palco do Rio 2016, onde atletas brasileiros conquistaram duas das onze medalhas de bocha na história dos Jogos Paraolímpicos.

O público poderá assistir, gratuitamente, aos melhores atletas de bocha dos cinco continentes. Entre os jogadores, o Brasil se orgulha de ter em seu time o número um do mundo na categoria BC2: Maciel dos Santos, campeão paraolímpico em Londres 2012 e bronze nos Jogos de Tóquio. O atleta mais experiente da seleção brasileira busca o título inédito de campeão mundial naquela que será a segunda edição do mundial disputado pelo Brasil. A primeira vez foi em 2006, em Copacabana, também no Rio de Janeiro, e o Maciel estava lá participando.

A competição, organizada e realizada pela ANDE (Associação Nacional de Desporto para Deficientes), gestora da modalidade no Brasil, será transmitida pelo YouTube de quatro quadras. Quem estiver presente na Arena Carioca 1 vai acompanhar até 12 jogos acontecendo simultaneamente.

Antes mesmo do início da competição: alguns números já são históricos: mais de 300 inscrições em menos de uma semana para concorrer às 40 vagas do Programa de Voluntariado, administrado pela Sports Network, e a eleição popular para o nome do mascote. Esta é uma homenagem ao maior medalhista brasileiro do esporte. Dibo é uma contração de "Dirceu" e "da Bocha", uma homenagem póstuma a um dos maiores ícones do bocha brasileiro: Dirceu Pinto. Dono de cinco medalhas em paralimpíadas, Dirceu faleceu em 2020, aos 39 anos, em decorrência de problemas cardíacos.

Acompanhe as redes do Campeonato Mundial de Bocha Rio de Janeiro 2022:

Website: rio2022boccia.com.br
Facebook: www.facebook.com/RJ2022WorldBoccia
Instagram: www.instagram.com/andenarede
Youtube: https://www.youtube.com/c/ANDEnarede

 

 

pt_BR